in

DIA oficializa venda da Clarel

O Grupo DIA ativou oficialmente a venda da Clarel, tendo encarregue o Santander e o BBVA da tarefa de encontrar um comprador para a insígnia.

Segundo o jornal Expansión, que cita fontes financeiras, com esta operação, o grupo retalhista pretende injetar cerca de 200 milhões de euros. As mesmas fontes indicam que o desinvestimento vai concretizar-se ainda no primeiro trimestre.

O jornal espanhol avança que a escolha daqueles dois bancos para encontrarem um comprador destes ativos não é inocente, já que ambos foram instrumentais no processo de refinanciamento do grupo. Recorde-se que, recentemente, foi anunciado um acordo de refinanciamento no valor de quase 900 milhões de euros. Das 12 entidades expostas ao passivo do grupo, Santander e BBVA são as mais visadas, com cerca de metade da dívida bancária total.

A Clarel foi a insígnia resultante da compra, em 2012, dos ativos da Sclecker em Portugal e Espanha, por parte do Grupo DIA, por 70,5 milhões de euros.

Continente incentiva portugueses a ir ao ginásio com nova campanha

John Pearson é o novo CEO da DHL Express