in

David Ferreira reforça enologia da Quinta Vale D. Maria

A Quinta Vale D. Maria, produtora de vinhos da região do Douro, reforça a equipa de enologia com David Ferreira.

Depois de 12 anos de experiência na região do Tejo, David Ferreira vai trabalhar com Manuel Soares, diretor de enologia do grupo Aveleda, e Cristiano van Zeller, administrador e enólogo da Quinta Vale D. Maria.

Nascido na região de Paris, em 1980, David Ferreira regressou a Portugal com apenas 15 anos para terminar os estudos secundários e universitários. Licenciado em Engenharia Agrária pela Escola Superior Agrária de Santarém e mestre em Viticultura e Enologia pela Universidade do Porto, iniciou a sua carreira como técnico de viticultura, em 2006, na Casa Cadaval. Seis anos mais tarde, tornou-se enólogo principal e diretor de produção.

Durante os 11 anos de permanência na Casa Cadaval, David Ferreira recebeu vários prémios. Em 2011, a Associação Portuguesa de Enologia considerou-o o Jovem Enólogo do Ano. Nesse mesmo, a Comissão Nacional da Organização Internacional da Vinha e do Vinho (CNOIV) considerou-o o Jovem Investigador do Ano. Já em 2013, os Prémios W Aníbal Coutinho distinguiram-no como o Jovem Enólogo do Ano.

Em janeiro de 2018, David Ferreira mudou-se para a Quinta Vale De Fornos, também na região do Tejo. Agora, irá substituir Joana Pinhão na Quinta Vale D. Maria. A enóloga contribuiu para vários sucessos da Quinta Vale D. Maria: o prémio de melhor vinho do ano de 2019, do Concurso de Vinhos de Portugal, atribuído ao Quinta Vale D. Maria Vinha da Francisca 2016; o de melhor produtor do ano em 2015, prémio atribuído pela Revista de Vinhos e a inclusão do Quinta Vale D. Maria Tinto 2013 no Top 100 da Wine Spectator. Lançou também o Quinta Vale D. Maria Vinha da Francisca 2011, em 2013, e a Vinha do Martim 2015, em 2016.

Além de ir trabalhar na Quinta Vale D. Maria, David Ferreira irá também ser responsável pela renovação dos vinhos da Quinta da Aguieira, pertencente ao grupo Aveleda, na região da Bairrada. “Decidi abraçar este desafio com a vontade de continuar a manter a essência e qualidade reconhecidas dos vinhos Quinta Vale D. Maria. Não podia deixar fugir esta oportunidade de trabalhar na região demarcada do Douro e num projeto tão aliciante como é a Quinta Vale D. Maria. Além disso, tenho também o desafio de renovar os vinhos da Aguieira, na Bairrada”.

Apple Pay já está disponível para titulares de conta Visa em Portugal

Sonae subscreve iniciativa mundial de promoção da defesa dos direitos humanos