in ,

Chatbots para atendimento ao cliente com potencial para reduzir custos

Foto Shutterstock

O número de interações bem-sucedidas com chatbots no retalho chegará aos 22 mil milhões até 2023, vem acima dos 2,6 mil milhões estimados para 2019.

Os dados são da Juniper Research, que antecipa ainda que os chatbots para atendimento ao cliente apresentam um elevado potencial para reduzir custos, permitindo poupar anualmente cerca de 439 milhões de dólares, perto de 400 milhões de euros, a nível global, até 2023.

A consultora avança, também, que as vendas resultantes das interações com chatbots chegarão aos 112 mil milhões de dólares, mais de 100 mil milhões de euros, em 2023. Este ano, o valor estimado são os 7,3 mil milhões de dólares (6,5 mil milhões de euros).

A Juniper sustenta, no entanto, que, ao invés de ser um valor adicional, essas vendas resultarão, em grande parte, da transferência de outros canais, pelo que o retorno do investimento nestes projetos será ao nível da eficiência e não da geração de receitas incrementais.

Porém, os retalhistas que não adotarem os chatbots poderão enfrentar a disrupção de operadores tecnológicos mais experientes, que recorrerão a este meio como uma extensão da sua estratégia omnicanal.

Publicidade

Publicidade

Primark vai duplicar o espaço no NorteShopping

Quinta do Portal lança Femina Branco Doce 2018