in , , , ,

Centromarca lança estudo sobre tendências de consumo em Portugal

A Centromarca – Associação Portuguesa de Empresas de Produtos de Marca lançou esta terça-feira, dia 5 de julho, no Terrazza Martini, em Lisboa, uma nova ferramenta de comunicação que vai avaliar, periodicamente, as tendências e a evolução das marcas e do consumo em Portugal e fornecer informação sobre produtos, marcas e consumidores.

O “Marcas+Consumidores”, como é designada a publicação, traz informação sobre o comportamento das marcas no mercado e os padrões de atuação dos consumidores. “Quisemos inovar e aprofundar a informação sobre marcas, consumo e consumidores que colocamos à disposição do mercado. Esta nova publicação dá às empresas, por um lado, informação útil para reforçarem ou ajustarem as suas estratégias comerciais e de comunicação e aos consumidores, por outro, um registo global dos seus padrões e tendências de consumo ao longo do tempo”, afirma João Paulo Girbal, presidente da Centromarca. “O mercado caracteriza-se por um forte dinamismo, pelo que é importante a existência de uma ferramenta de análise e registo histórico que integre informações fidedignas e atualizadas regularmente. O “Marcas+Consumidores” torna-se, assim, um instrumento indispensável a todos os “players” que, direta ou indiretamente, intervêm no mercado”, conclui João Paulo Girbal.

Para além de informação comum a cada edição, o “Marcas+Consumidores” vai apresentar, a cada nova publicação um ou dois temas de interesse. “Nesta primeira edição, os temas analisados foram o consumo fora-de casa e a penetração e notoriedade das marcas mais reconhecidas e inovadoras, medidas através do chamado Brand Footprint”, refere Pedro Pimentel, diretor geral da Centromarca.

E o que diz o estudo a este respeito? Que nos primeiros cinco meses de 2016, pela primeira vez nos últimos três anos, o mercado de Fast Moving Consumer Goods cresceu quer em volume (3,6%), quer em valor (1%). Crescimento que foi impulsionado pelas categorias de Home Care e frescos. O Pet Food, por sua vez, é a única categoria que crescia há um ano atrás e que mantém agora um crescimento moderado.

O “Marcas+Consumidores” inicia uma colaboração com a Kantar Worldpanel. Segundo Teresa Cotrim Figueiredo, Country Manager da consultora, “a Kantar vê nesta colaboração com a Centromarca uma excelente forma de partilhar com o mercado e com opinião pública informação útil que retrata o comportamento de marcas e consumidores, mas que permite, também, e de forma prospetiva, ajudar a definição de estratégias empresariais adequadas e aderentes à realidade do mercado de grande consumo nacional”.

O “Marcas+Consumidores” será publicado três vezes por ano e a sua divulgação será acompanhada de momentos de comunicação que permitam melhor explicar as tendências do consumo e do consumidor e os mais importantes “insights” sobre a evolução perspetivável no mercado.

Esta ferramenta reforça também o papel da Centromarca enquanto entidade que pretende impulsionar a valorização e a construção de uma cultura e ecossistema de marca em Portugal.

Publicidade

Publicidade

DIA aposta no conceito de cash & carry

Portugueses evitam o desperdício de mais de 3,5 toneladas de produtos num mês