in

Castelbel doa produtos a hospitais na linha da frente

Após encerrar temporariamente a fábrica no Castêlo da Maia, por força da quebra abrupta e acentuada de encomendas de clientes espalhados por mais de 60 países, a Castelbel doou milhares de cremes hidratantes para combater a desidratação da pele causada pelo álcool-gel e das marcas na cara causadas pelo uso permanente de máscaras e viseiras por parte dos profissionais de saúde.

A marca doou, ainda, dispensadores vazios para carregamento com solução desinfetante e sabonetes líquidos e sólidos a hospitais e centros de saúde da zona Norte do país: Bragança, Mirandela, Macedo de Cavaleiros, Maia, Valongo, Penafiel, Porto, Braga, Guimarães, Espinho e Gaia.

 

Redes sociais ajudam

Para chegar a quem mais precisava, a marca anunciou a sua disponibilidade no mural do grupo de Facebook “Norte em ação – rede de entreajuda para produção de material hospitalar” e respondeu a vários apelos que, entretanto, lhe chegaram por e-mail e mensagens nas páginas oficiais das marcas Castelbel e Portus Cale nas redes sociais Facebook, Instagram e LinkedIn.

A Castelbel é uma empresa portuguesa que se dedica ao fabrico e comercialização, sob as marcas Castelbel e Portus Cale, de sabonetes e outros produtos de luxo perfumados para a casa (velas, difusores de fragrância, vaporizadores e papel perfumado) e para o corpo (gel lavante, loção corporal, creme de mãos, eau de toilette e produtos de cuidado pessoal para homem). Inspirados pelo cenário do vale do rio Douro, os produtos Castelbel captam os aromas, as cores e o ambiente de Portugal.

Publicidade

Pernod Ricard

Pernod Ricard apoia bares e restaurantes

Contração da economia pode fazer regressar medos da dívida soberana