in

Bruxelas adota mais medidas de apoio ao sector vitivinícola

Foto Shutterstock

A Comissão Europeia adotou um pacote complementar de medidas excecionais de apoio ao sector vitivinícola, devido à crise do novo coronavírus.

De acordo com Bruxelas, este é um dos sectores agroalimentares mais afetados, devido às rápidas mudanças na procura e ao encerramento de restaurantes e bares em toda a União Europeia, que não foram compensadas pelo consumo no mercado interno. As novas medidas incluem, assim, uma exceção temporária às normas de concorrência, que permite aos agentes económicos auto-organizar-se e aplicar medidas de estabilização, durante um período máximo de seis meses. Desse modo, poderão planificar atividades conjuntas de promoção, organizar o armazenamento por agentes económicos privadas e planear conjuntamente a produção.

Do pacote de medidas consta ainda o aumento da contribuição da União Europeia para os programas nacionais de apoio ao sector, de 10% para 70%, e a introdução de pagamentos antecipados para a destilação e o armazenamento em caso de crise.

Publicidade

Ficar em casa

Passar mais tempo em casa será um hábito a manter pelos portugueses

Smurfit Kappa

Smurfit Kappa tem a certificação BRC