in ,

Amazon aposta nos pagamentos com a palma da mão

A Amazon continua a desenvolver o seu sistema de pagamentos através do scan da palma da mão. O Amazon One já tinha sido testado num projeto piloto em algumas lojas Amazon Fresh, estando agora também em testes em alguns supermercados Whole Foods.

A Amazon está a instalar o sistema em sete lojas da insígnia localizadas em Seattle, nos Estados Unidos da América. Este método irá permitir aos clientes pagar através do simples scan de uma ou de ambas as palmas das mãos, já que estas são únicas, devido às suas veias e rugas particulares. Os clientes poderão associar a sua palma da mão a um cartão de pagamentos.

 

Segurança

O primeiro scanner de palmas da mão da Amazon foi testado, no ano passado, numa loja Amazon Fresh também localizada em Seattle. Desde então, a empresa tem vindo a testar a tecnologia noutros dos seus conceitos de retalho físico, como a Amazon Books, a Amazon 4-Star e a Amazon Pop-Up. Segundo a empresa, os clientes não têm de se preocupar com a segurança do sistema, já que os dados da palma da mão e o cartão de pagamento associado são guardados separadamente de outras informações do cliente. Vários controlos de segurança protegem o Amazon One e as imagens da palma da mão não ficam gravadas no scanner. São encriptadas e armazenadas num sistema de alta segurança na Cloud, criado especificamente para o efeito.

A Amazon defende que esta tecnologia é melhor que outros sistemas de pagamentos biométricos, como o reconhecimento facial, que estão a ganhar popularidade, particularmente na China.

Publicidade

aplicações

Duplicou uso de aplicações em telemóvel para encomendar refeições

Gillette Venus

Gillette Venus lança novas embalagens sustentáveis e recicláveis