in

Vila Galé reforça aposta no sector agroindustrial

O Grupo Vila Galé vai entrar reforçar a sua aposta no sector agroalimentar, durante o presente ano. “Vamos fazer uma central de fruta, para produzir e vender fruta, compotas de fruta, fruta laminada e fruta desidratada”, revelou o presidente do grupo, Jorge Rebelo de Almeida, citado pelo Jornal Económico.

A nova central será implantada no projeto em Santa Vitória, no Alentejo, onde o grupo cultiva vários hectares de vinha, olival e pomares. Tendo em conta os excedentes, o objetivo desta central é o abastecimento das diversas unidades hoteleiras do grupo e clientes externos.

Recorde-se que o Grupo Vila Galé já tem, no mercado nacional, e há vários anos, as marcas de vinhos e de azeites Santa Vitória. Recentemente, investiu 3,5 milhões de euros num lagar de azeite na propriedade de 1.620 hectares localizada perto de Beja, onde o grupo tem também a adega e o hotel rural Vila Galé Clube de Campo. Com esta aposta, a empresa reforça a sua posição na agricultura, sector no qual tem atividade desde 2002, mas também no agroturismo e enoturismo. Atualmente, o olival da Santa Vitória estende-se por cerca de 200 hectares e entre as variedades de azeitona existentes estão a Galega, Cobrançosa, Cordovil, Picual, Arbequina, Koroneiki e Arbosana. Daqui resulta azeite virgem extra comercializado sob a marca Santa Vitória nos hotéis Vila Galé, em grandes superfícies e em lojas especializadas.

Publicidade

Publicidade

H&M expande-se para a América Central

Biedronka promove vinhos portugueses