Nestlé
Foto Shutterstock
in

Vendas mundiais da Nestlé caem 6% no 1.º trimestre

A Nestlé concluiu o primeiro trimestre com uma descida das vendas de 6,2%, para 19.068 milhões de euros.

Uma vez descontados os efeitos das vendas e aquisições do grupo, sobretudo do negócio de gelados nos Estados Unidos da América à Froneri, e das divisas, as vendas cresceram 4,7%. Tendo em conta a evolução dos preços, que foi negativa no primeiro trimestre, o crescimento orgânico foi de 4,3%.

Devido à pandemia de Covid-19, na maioria dos mercados onde a multinacional suíça opera, e de modo especial na América do Norte e na Europa, houve um crescimento significativo no mês de março, devido ao efeito de abastecimento por parte dos consumidores. Pelo contrário, na China, as vendas desceram devido às restrições de circulação durante quase todo o trimestre, ao limitado efeito de stockagem por parte dos consumidores e à importância, neste mercado, do canal fora do lar.

 

Queda do “out-of-home” generalizada

A queda do “out-of-home” foi, contudo, generalizada em todos os países, com a transferência do consumo para dentro do lar e uma descida significativa nas vendas das divisões profissional, águas e boutiques Nespresso.

Em sentido inverso, as vendas online aumentaram 29,4% e passaram a representar, pela primeira vez, mais de 10% das receitas totais do grupo.

Relativamente às categorias de produto, houve um aumento da procura de produtos essenciais, como as refeições prontas. O negócio de pet care também teve uma boa evolução, assim como os cafés e a divisão Nestlé Health Science. No reverso da medalha estão as vendas de confeitarias e gelados, penalizadas pela queda nas vendas por impulso e para oferta.

Sobre o impacto financeiro da Covid-19, a Nestlé assegura que é difícil de quantificar e dependerá da duração da crise sanitária e das suas consequências económicas.

DS Smith

DS Smith solidária na luta contra a Covid-19

máquina de batidos Silvercrest do Lidl

Alimentação saudável em casa com máquina de batidos Silvercrest do Lidl