in ,

Vendas da Unilever crescem 3,4%

Foto Shutterstock

A Unilever fechou 2021 com um volume de negócios de 52.444 milhões de euros, o que significa um aumento de 3,4% face a 2020, com um impacto positivo das aquisições e impacto negativo das divisas.

Além disso, tendo em conta as vendas subjacentes, o crescimento foi de 4,5%, o maior em nove anos, depois dos preços terem aumentado 2,9% e os volumes 1,6%.

O lucro líquido situou-se em 6.049 milhões de euros, o que representa um aumento de 8,4%. “A aceleração do desempenho operacional da Unilever continua. O principal desafio de 2021 foi o aumento dramático dos custos e respondemos com medidas de preços“, explica o CEO da Unilever, Alan Jope, detalhando um aumento de 2,9% no ano e de 4,9% no quarto trimestre.

 

Online cresce 44%

A Unilever registou um crescimento de 44% nos canais online, durante 2021, com o comércio eletrónico a representar já 13% do volume de negócios total.

Por negócios, beleza e cuidados pessoais cresceram 3,8%, enquanto os cuidados do lar aumentaram em 3,8% e s alimentação e bebidas em 5,6%.

Para 2022, a empresa espera que o crescimento subjacente das vendas se mantenha entre 4,5% e 6,5%, prevendo-se que os preços continuem a subir.

Publicidade

Montiqueijo Edição Dia dos Namorados 2022

Montiqueijo relança edição especial dedicada ao amor

Gunnar Haagensen (Jangaard) e Richard Stenning (Guinness) (2)

Bacalhau conquista título do Guinness World Records