in

Vendas da Jerónimo Martins crescem 8,3% em 2015

As vendas líquidas da Jerónimo Martins cresceram 8,3% para os 13,7 mil milhões de euros, de acordo com os dados preliminares divulgados pela empresa.

Em comunicado, o grupo retalhista português detalha que o desempenho das vendas da Biedronka, Pingo Doce e Recheio foi consistente ao longo do ano e que a sua evolução foi impulsionada pelo aumento, acima da média do mercado, das vendas numa base comparável.

Na Biedronka, não obstante o cenário de deflação e um ambiente competitivo dominado por promoções, as vendas aumentaram 9,2% para os 9,2 mil milhões de euros, impulsionadas pelo crescimento de 3,2% das vendas comparáveis.

Já o Pingo Doce cresceu 5,4%, para os 3.407 milhões de euros, com base no aumento de 4,6% a valores constantes, e o Recheio evoluiu 4,1%, para os 832 milhões de euros, com o crescimento “like for like” a atingir os 3,5%.

A Ara, que fechou o ano com 142 lojas a operar em duas regiões, atingiu vendas de 122 milhões de euros e a Hebe, com um total de 134 lojas, obteve vendas de 100 milhões de euros.

No que diz respeito aos últimos três meses do ano, o Pingo Doce teve mais um forte trimestre, com as vendas a crescerem 6,3% e o “like for like” a atingir 4,1%.

Publicidade

Super Bock Casa da Cerveja pela Omdesign

Nielsen lança um novo serviço de Customer Experience