in

Starbucks investe nas startups

Foto Shutterstock

A Starbucks investiu 100 milhões de dólares na Valor Siren Ventures, um novo fundo que pretende investir no crescimento de startups alimentares e de tecnologia para o retalho.

O fundo gerido pela Valor Equity Partners irá identificar e investir em empresas que estão a desenvolver tecnologias, produtos e soluções relacionadas com os sectores da alimentação e do retalho.

O fundo, uma estreia para a Starbucks, pretende angariar mais 300 milhões de dólares junto de outros investidores. Adicionalmente, a cadeia de cafetarias irá explorar acordos comerciais com as startups. “Acreditamos que as ideias inovadoras são o combustível do futuro”, afirma Kevin Johnson, presidente e CEO da Starbucks. “Ao mesmo tempo, e tendo em vista a aceleração da nossa agenda de inovação, somos inspirados e queremos apoiar os negócios empreendedores e criativos do futuro, com quem possamos explorar relações comerciais pelo caminho. Esta nova parceria com a Valor apresenta oportunidades entusiasmantes, não apenas para as startups, mas também para a Starbucks, no nosso trabalho de construção de uma empresa que quer continuar relevante por muitas mais décadas”.

A Starbucks também anunciou que planeia modernizar os pontos de contacto e de experiência do cliente. Sem revelar grandes detalhes sobre a iniciativa, adiantou que irá focar-se na conveniência, conforto e conexão.

O objetivo deste projeto é aprender diretamente com os clientes e adaptar para alcançar uma nova e melhor experiência do cliente através da tecnologia, inovação de produto e formatos de loja.

Publicidade

Publicidade

Produtos biológicos ultrapassam barreira dos 95 mil milhões de dólares a nível mundial

Lidl com mais de 100 artigos certificados para os clientes descobrirem na Páscoa