in

Samsung Galaxy Note9 chegou a Portugal

A Samsung Portugal inicia esta sexta-feira, dia 24 de agosto, as vendas do seu mais recente smartphone, o Samsung Galaxy Note9.

Apresentado em Nova Iorque, no início do mês, o Samsung Galaxy Note9 foi criado para oferecer aos seus utilizadores um novo nível de performance, capacidade e inteligência. Além da bateria de 4.000mAh, a maior de sempre num smartphone Samsung Galaxy, com autonomia para um dia inteiro, o Samsung Galaxy Note9 está disponível com duas opções de armazenamento interno: 128 ou 512 gigabytes.

Tal como a restante gama Samsung Galaxy Note, o Samsung Galaxy Note9 vem acompanhado pela, já conhecida, S Pen, agora reinventada com tecnologia Bluetooth, para ser mais do que uma simples ferramenta de escrita ou desenho. Também a câmara fotográfica do Samsung Galaxy Note9 é a mais avançada da marca, com uma lente de dupla abertura, que se adapta automaticamente às condições de luminosidade, tal como o olho humano.

Com base no resultado da campanha de pré-vendas, cujo total ultrapassou em mais de 30% as do seu antecessor Samsung Galaxy Note8 no período equivalente, Nuno Parreira afirma que a Samsung está confiante em relação às vendas do seu novo equipamento. O diretor de telecomunicações da Samsung Portugal explica que “os utilizadores da gama Samsung Galaxy Note são leais e estão à espera de um nível de inovação e desempenho que os surpreenda. Com o Samsung Galaxy Note9, podemos assegurar que vamos responder às exigências destes consumidores, oferecendo-lhes uma ferramenta que suporta as suas necessidades, quer de trabalho como de entretenimento”.

O novo Samsung Galaxy Note9 está disponível em todas as lojas físicas que comercializam produtos Samsung, em duas cores – Azul Oceano com S Pen amarela e Preto Meia-Noite com S Pen preta – com os PVP de 1.029,90 euros para os Samsung Galaxy Note9 com 128 gigabytes de armazenamento interno e de 1.279,90 euros para os Samsung Galaxy Note9, com 512 gigabytes de armazenamento interno.

Publicidade

Publicidade

Makro recebe visita do maior grossista da Noruega

Lucro da Alibaba baixa 41% no primeiro trimestre fiscal