in

Royal Canin lança suplemento alimentar que facilita a vida dos tutores que têm de dar medicação aos seus cães

Quando um animal de estimação está doente ou, por algum motivo, precisa de tomar medicamentos, conseguir que tome efetivamente a medicação oral pode ser complicado e uma fonte de grande ansiedade e nervosismo, tanto para os tutores como para os animais. Um em cada três tutores que saem do consultório veterinário com a prescrição de tratamento oral para os seus cães admite que estes acabam por cuspir ou deitar fora o medicamento, acabando por não conseguir fazer o tratamento corretamente e garantir a sua recuperação.

Sabendo desta dificuldade, a Royal Canin lançou o Pill Assist, um suplemento que se assemelha a um biscoito com uma bolsa, que permite esconder facilmente os medicamentos orais (comprimidos, cápsulas, drageias e, até, eventualmente, os que só existem na forma líquida) adaptando-se à maioria dos formatos existentes no mercado e permitindo, graças à sua elevada palatabilidade e facilidade de moldagem, a ingestão dos medicamentos ocultos, em 97% dos casos. O Pill Assist está disponível em dois tamanhos: para cães pequenos (menos de 10 quilogramas) e para cães médios/grandes (mais de 10 quilogramas).

As unidades de Pill Assist para cães pequenos contêm cerca de 10 calorias cada uma e para cães médios/grandes cerca de 25 calorias por unidade. O Pill Assist não é uma dieta completa e equilibrada, foi concebido para ser oferecido apenas de forma complementar à dieta habitual durante o período de prescrição médica. Geralmente, recomenda-se a quantidade deste suplemento não exceda os 10% do total de calorias idealmente ingeridas por dia.

O Pill Assist também contém vitaminas e prébióticos que ajudam a fortalecer a saúde do animal.

Publicidade

Publicidade

Turismo

Turismo de compras debatido em Lisboa

O que os portugueses gostavam de receber neste Natal?