in

Profissionais de entregas de refeições disparam 939% em 6 meses

Foto Shutterstock

A pandemia provocada pela Covid-19 fez disparar o número de profissionais de serviços em diversas áreas de atividade, lista essa liderada pelas entregas de refeições, com um aumento de 939% nos últimos seis meses, logo seguidos pelas entregas e serviços de estafetas, que ascendeu a 789% em número de colaboradores.

O inquérito da maior plataforma nacional para a contratação de serviços locais junto de 40 mil profissionais inscritos, a Fixando, refere ainda a subida no número de profissionais ligados ao ensino, onde, entre janeiro e junho, houve um aumento de professores de aulas de português como segunda língua (488%), explicações de história (453%), de várias disciplinas (450%), economia (436%) e leitura e escrita (425%).

Obras em casa

A Fixando mostrou também uma multiplicação de prestadores de serviços ligados a reparação de produtos de casa, com o avanço de montagem de mesas de bilhar (476%), instalação, reparação ou remoção de revestimento de parede (467%), montagem de cama (444%) e instalação de ar condicionado (444%).

Os resultados mostram ainda que houve um crescimento de 27% no número de profissionais recém-chegados à plataforma em junho, comparativamente ao mês de janeiro. “O aumento no número de inscrições na FIixando mostra que estes profissionais estão a ver uma oportunidade de oferecer seus serviços e, assim, gerar ainda mais negócio”, refere Alice Nunes, diretora da plataforma para o Desenvolvimento de Negócio.

Publicidade

Sport Zone

Sport Zone motiva os portugueses a viver um verão ativo

Europ Assistance

Europ Assistance cria produto para o pequeno comércio