in

Portugueses consideram que o uso de máscara fora de casa deveria ser obrigatório, mas apenas 47% dispõem delas

Os resultados da mais recente sondagem do Barómetro COVID-19 da Marktest mostram que 25% dos portugueses admitem conhecer alguém infetado com o novo coronavírus. Destaca-se o facto de 38% dos residentes na região do Grande Porto conhecerem alguém infetado por Covid-19.

De acordo com os resultados da sondagem, ser contaminado continua a ser o maior receio dos portugueses. Porém, os receios de falência da economia nacional e com o desemprego aumentam.

Na semana em que o estado de emergência foi prolongado por mais 15 dias, o índice de receio em ser contaminado voltou a diminuir, ainda que de uma forma muito ligeira.

O mesmo sucedeu com o índice de probabilidade de contaminação, que registou o valor mais baixo das últimas quatro semanas, embora com uma inversão de tendência junto dos homens.

E, numa semana em que muito se tem falado de máscaras sociais em virtude das novas recomendações da Organização Mundial de Saúde, ficou-se a saber que apenas 35% dos portugueses utilizam uma máscara quando sai de casa.

Publicidade

preço do porco

Qual o real efeito da Covid-19 no mercado de suíno?

retalho mundial

Novos cenários para o retalho na era pós-Covid