in

Os chocolates “bean to bar” da DeCacau

De acordo com a tradução direta, o chocolate “bean to bar” é feito do grão à barra. O termo existe para diferenciar estes chocolates dos feitos a partir de massa de cacau, grãos já torrados e moídos ou de um outro chocolate já pronto que é derretido e moldado.

Mas o conceito de “bean to bar” vai além da sua tradução mais literal, inscrevendo-se num movimento que vai de encontro às necessidades dos consumidores que começam a prestar mais atenção aos alimentos que comem, optando pelos mais puros, menos processados, mais próximos das receitas antigas e tradicionais.

 

DeCacau

É a estes consumidores mais exigentes que a DeCacau quer dar resposta com os seus chocolates artesanais. Produzidos com as melhores amêndoas de cacau da variedade Criollo Trinitario, os chocolates da DeCacau apresentam-se em três variedades: Ao Sal (45% de cacau), Branco (50% de cacau) e Negro (80%). Em comum, estas três opções, disponíveis em embalagens de 50 gramas, têm o facto de conterem um baixo teor de açúcar e serem isentos de qualquer óleo, aromatizante ou conservante.

A versão de Ao Sal traz consigo um pouco da identidade de Aveiro, pela adição de sal grosso da Moeirinha ao cacau, intensificando o seu sabor.

Publicidade

Coca-Cola

Coca-Cola vai despedir 2.200 funcionários

Carros de Bueyes

Unlock Wines traz para Portugal vinhos de Monterrei