in

Nortada já reabriu a Fábrica

Nortada

A Fábrica Nortada já abriu, com o devido distanciamento social. Há uma nova carta, um novo horário e serviço de take away.

Devido à pandemia da Covid-19, foram implementadas várias medidas indispensáveis para assegurar a segurança e a saúde pública.

A casa da cerveja artesanal feita no coração do Porto está agora com as portas abertas de terça a domingo, entre as 12 e as 23 horas, com a sua lotação reduzida para metade (apenas 50 pessoas) e um distanciamento mínimo de dois metros. Os eventos, que tradicionalmente juntavam centenas de pessoas, foram adiados.

Mais ainda, o menu pode agora ser acedido também através de QR Code e toda a carta está disponível não só para consumo na fábrica mas igualmente para take away. Quem visitar a fábrica poderá ver, desde logo, que o espaço ficou ainda maior e mais amplo do que o normal, facilitando o distanciamento entre mesas e entre pessoas.

A propósito do impacto da pandemia, Pedro Mota, CEO da Nortada, afirma que “o sector artesanal é feito de projetos e empresas construídas na base da paixão e dedicação. Acho que falo por todos quando digo que, para chegarmos até aqui, tivemos que superar desafio atrás de desafio para fazer com que as nossas marcas evoluíssem. Não tenho uma bola de cristal, mas tenho a convicção plena que os cervejeiros vão continuar a lutar e a fazer de tudo para superar mais este desafio. Vamos voltar com ainda mais força”.

Cerveja do mês

Como vem sendo hábito, a Nortada vai lançar, no decurso desta semana, a sua nova cerveja do mês. Maio é o mês da “The Twist”, uma American Wheat.

Esta é uma cerveja leve, refrescante e aromática, elaborada especialmente para ser consumida em momentos de lazer. A “The Twist” foi criada com o objetivo de ser fácil de beber, com características marcantes de aroma e sabor, porém bem equilibradas.

O rótulo é da autoria da ilustradora Helena Bernardes. Este e todos os outros diferentes estilos limitados estão disponíveis na Fábrica Nortada, em garrafa, barril e à pressão.

Nortada
A edição especial de abril – “Obrigado” – marcou uma  homenagem a todos os que estão na linha da frente na luta contra a Covid-19, sendo que a totalidade das receitas desta cerveja solidária estão destinadas à Cruz Vermelha. A venda das 13 mil garrafas permite a entrega de 26 mil euros.

compras físicas

Dinâmicas entre MDD e MDF em tempos de Covid

Bean'Go

Bean’Go lança loja online