in

Montiqueijo poupa 47 toneladas de plástico em 2018

A Montiqueijo reduziu a utilização de plástico em 47.025 quilogramas no ano passado.

A retirada do cincho (forma que envolve o queijo) nos seus produtos permitiu poupar mais de 165 toneladas de plástico, entre 2016 e 2018. Através da geração própria de eletricidade solar, a marca conseguiu também evitar a emissão de 77 toneladas de CO2 em 2018.

Ao longo dos anos a empresa nacional tem investido em medidas para reduzir o impacto da sua atividade no ambiente e assumir uma responsabilidade socioambiental cada vez maior. 203 toneladas de queijos ao ano são produzidas inteiramente por energia solar. Atualmente, os 460 painéis solares instalados junto à fábrica permitem uma autossuficiência média mensal de 18%.

Além disso, a Montiqueijo é a única empresa do sector com circuito completo do processo produtivo, ao controlar a produção da matéria-prima principal para os seus produtos (leite), ou seja, tem produção desde a origem. O soro resultante da produção de queijo e requeijão é incluído novamente no circuito e utilizado na alimentação animal, evitando assim maior poluição e desperdício.

Para atingir um nível zero de desperdício, a produção é planeada de acordo com as encomendas. Recorde-se, ainda, que a Montiqueijo criou o primeiro requeijão de 85 gamasr para combater o desperdício alimentar.

Indústria alimentar e das bebidas vendeu mais de 5.000 milhões de euros para o exterior em 2018

Cisco e Startup Lisboa formam parceria tecnológica