Mifarma responsável COVID
in

Mifarma incorpora função de responsável de Covid no seu centro de logística

A Mifarma, empresa de venda online de produtos de farmácia e parafarmácia, criou o primeiro posto de trabalho diretamente relacionado com a pandemia, sob a designação de Responsável COVID.

Trata-se de um cargo totalmente novo e que tem como objetivo, entre outros, velar pela saúde dos funcionários e dos consumidores da empresa perante qualquer situação de risco. Assim, tendo em conta a crise de saúde vivida, este novo perfil vai garantir o cumprimento de um protocolo de atuação eficaz, na ocorrência de algum caso de coronavírus.

 

Segurança dos colaboradores e consumidores

O profissional que assumirá este cargo conta com um amplo percurso profissional e formação em prevenção de riscos laborais. A sua incorporação está diretamente vinculada à equipa de logística e armazém da empresa e será responsável por criar, desenvolver e manter um protocolo de atuação eficaz perante possíveis contágios de coronavírus ou contactos com pacientes positivos, dentro e fora do contexto laboral. Uma equipa multidisciplinar da empresa irá trabalhar com este coordenador para elaborar os protocolos e ele será o responsável contínuo pelo seu cumprimento.

Este novo perfil surge com a necessidade, por parte da Mifarma, de garantir a segurança dos seus colaboradores e o envio dos pedidos aos seus mais de um milhão de clientes. Desta forma, o novo profissional deverá planear e oferecer medidas inovadoras de segurança socio sanitária em contexto laboral.

O Responsável COVID designará por escrito as responsabilidades de todas as pessoas envolvidas no desenvolvimento e cumprimento dos processos de segurança da empresa, velará pela segurança dos colaboradores e garantirá que estes cumprem as medidas de prevenção estabelecidas. A sua figura será de “tracker” interno da empresa, que saberá, a todo o momento, quem se encontra com quem no armazém, de forma a poder cooperar eficazmente com os sistemas de saúde no caso de ocorrerem contactos próximos.  “Este novo perfil surge devido à incidência da Covid-19, mas trata-se de um cargo de duração indefinida que nos permitirá ampliar ao máximo os nossos sistemas de segurança. Este profissional será o responsável máximo pela implementação e gestão dos processos de segurança a todos os níveis”, afirma Reme Navarro, CEO da Mifarma.

 

Fomentar o emprego em tempos de crise

Desde o início do estado de alerta, a Mifarma colocou em marcha múltiplas medidas para enfrentar a pandemia. Desde o passado mês de março, a empresa implementou mudanças logísticas, tanto em Portugal como em Espanha, e desativou parte do seu catálogo para garantir o serviço essencial nos prazos de entrega habituais. Assim, começou a comercializar máscaras com preço fixo, antes da entrada em vigor da regulamentação do Governo, de forma a garantir o acesso a produtos de saúde de primeira necessidade aos seus clientes. “Na Mifarma, queremos, acima de tudo, continuar a garantir a segurança dos nossos colaboradores e clientes em todo o mundo. Do mesmo modo, perante a importância da crise sanitária e económica que vivemos, continuamos a trabalhar todos os dias em novas medidas que impulsionem e reativem a economia na Península Ibérica”, acrescenta Reme Navarro.

ambiente

Sustentabilidade pode trazer às marcas de grande consumo 382 biliões de dólares

Nespresso Guillaume Le Cunff

Todas as chávenas de café da Nespresso vão ser neutras em carbono até 2022