in

Menos vendas para a Kellogg

A Kellogg faturou 3.372 milhões de dólares (3.039,2 milhões de euros) durante o terceiro trimestre de 2019, 2,8% menos que no mesmo período do ano anterior.

Da mesma forma, o lucro líquido atribuível da empresa caiu 35%, permanecendo em 247 milhões de dólares (222,6 milhões de euros). Essa queda deve-se à ausência de certos segmentos nos quais desinvestiu, a um desenvolvimento desfavorável da taxa de câmbio, ao custo dos investimentos e à pressão sobre os custos.

Por áreas geográficas, entre julho e setembro, as vendas na América do Norte foram de 2.059 milhões de dólares (1.855,8 milhões de euros), 5,9% menos, e na Europa de 530 milhões de dólares (477,7 milhões de euros), mantendo a estabilidade. Por outro lado, na América Latina, cresceram 2%, totalizando 244 milhões de dólares (219,9 milhões de euros), e em África, Médio Oriente e Ásia alcançaram 542 milhões de dólares (488,5 milhões de euros), 6% mais.

Consumo global de massa duplica ao longo da década

Portugal é país em destaque na mais importante mostra de vinhos e bebidas espirituosas de Montréal