in

Marca portuguesa lança nova fórmula para quem não tem tempo de cozinhar

Mondays são batidos compostos por ingredientes naturais com o objetivo de proporcionar uma refeição nutritiva, equilibrada e de fácil preparação, pronta em menos de 30 segundos.

A marca portuguesa acaba aprimorar a sua fórmula com 23% de proteína de ervilha isolada, sem adição de açúcar e um aumento para 26 vitaminas e minerais. Apresenta três novas opções de sabores: coco com amêndoa, limão com gengibre e café, além dos já tradicionais maçã com canela, cacau com avelã e frutos vermelhos.

A apostar num novo conceito de alimentação, a chamada “smart food”, a Mondays chega ao mercado para suprir as novas exigências dos consumidores e atender aqueles que não desejam transformar a comida num problema, sendo prático, económico e nutritivo. Neste caso, os batidos da Mondays são capazes de acompanhar um estilo de vida agitado e, por isso, mostram-se como uma nova opção de refeição, sendo composto somente por ingredientes naturais, como proteína de ervilha isolada, espinafres, quinoa, aveia, sementes de linhaça e sementes de cânhamo. “Trata-se de um conceito inovador. Temos consciência que os portugueses não dispensam de uma boa refeição tradicional e somos os primeiros a dizer que não vamos e nem queremos substituí-las. No entanto, somos uma nova alternativa, uma opção que cumpre o que promete (saciar a fome), bastando adicionar água, agitar e, em menos de 30 segundos, temos uma deliciosa refeição, repleta de vitaminas e nutrientes. Não se trata de um suplemento ou um programa dietético, mas uma verdadeira alternativa de refeição, seja esta para a altura do pequeno-almoço, almoço, jantar ou qualquer outro momento”, informa a Mondays.

Lançada em abril deste ano, a Mondays já começa a conquistar o seu espaço no mercado de alimentação equilibrada com mais de quatro mil refeições vendidas apenas online. Os batidos estão à venda na página própria (www.mondaysmeal.com), mas também está disponível em lojas especializadas e, brevemente, nas grandes superfícies.

A marca pretende associar-se a movimentos de cariz social, assim como ligados a problemas ambientais que podem resultar na perda e desperdício de alimentos. “Vivemos num mundo cada vez com mais opções de alimentação que geram desperdício de comida e queremos combater esse tópico com os nossos produtos, evidenciado ao mesmo tempo que não precisamos de sacrificar conveniência por qualidade e nutrição. Queremos provar que ‘food can be drinkable’”, completa a Mondays.

Publicidade

Publicidade

AirBridgeCargo e DB Schenker fazem parceria para melhorar a qualidade dos dados de carga aérea

LG apresenta a cozinha do futuro no CES 2020