in

Macy’s encerra mais 11 lojas e dispensa 5.000 funcionários

A cadeia de department stores Macy’s anunciou novos detalhes sobre o seu plano de reestruturação que inclui a demissão de cerca de 5.000 trabalhadores e o encerramento de 11 outras lojas nos Estados Unidos da América.

O fecho das lojas faz parte de um plano de redução de custos anunciado em agosto de 2016 e afetará quatro locais na Califórnia, dois na Flórida e outros cinco nos estados de Indiana, Michigan, Ohio, Vermont e Idaho.

Com essas 11, já são 81 as lojas afetadas pelos cortes, às quais, nos próximos meses ,se vão adicionar outras 19, já que expiram os seus contratos de arrendamento, conforme indicado pela Macy’s em comunicado.

A empresa sediada em Cincinnati também anunciou novos cortes de pessoal, como parte do seu processo de reorganização, o que afetará cerca de 5.000 trabalhadores, informação confirmada pelo porta-voz, Blair Fasbender Rosenberg. “A empresa está a tomar essas medidas dolorosas com a intenção de continuar a melhorar a eficiência organizacional e a distribuição de recursos para apoiar a sua estratégia de crescimento“, acrescentou.

A Macy’s, que tem sofrido uma situação económica difícil devido à forte concorrência do comércio eletrónico, estima que esses cortes resultarão numa economia anual de cerca de 248,6 milhões de euros.

Publicidade

Publicidade

Itália vai ter supermercado gerido inteiramente pelos clientes

Fitness oferece cartões de débito no valor de 1.000 euros