in

Lucros da Carlsberg disparam 7,2%

A cervejeira dinamarquesa Carlsberg concluiu o primeiro semestre com vendas líquidas no valor de 30.966 milhões de coroas, cerca de 4.135 milhões de euros, menos 0,7% do que no período homólogo de 2017. Em termos orgânicos, o crescimento foi de 5,1%. 

A faturação líquida na Europa Ocidental caiu 2,7%, enquanto na Europa de Leste o retrocesso foi de 4,2%. A compensação veio do mercado asiático, onde as vendas aumentaram 7%. 

O lucro líquido atribuído cifrou-se em 2.471 milhões de coroas, cerca de 331 milhões de euros, num crescimento de 7,2% em relação ao primeiro trimestre do ano passado. 

Para o conjunto do exercício, a Carlsberg reviu em alta as suas previsões de resultados e espera atingir uma subida entre 8% e 9% do lucro operacional em termos orgânicos, face às anteriores projeções de mais 5%.

Publicidade

Publicidade

Venâncio da Costa Lima com vinhos exclusivos para o canal Horeca

Amazon não pode prometer entregas no dia seguinte no Reino Unido