Ajudar Quem Mais Precisa
in

Lidl promove campanha de ofertas de refeições aos sem-abrigo

Na sequência do impacto social da Covid-19 no país, o Lidl Portugal tem vindo a adaptar e reforçar a sua capacidade de resposta às necessidades da sociedade. Ajudar Quem Mais Precisa é o mote das várias iniciativas de responsabilidade social do Lidl para apoiar as comunidades mais frágeis. Na sua mais recente iniciativa, os utilizadores das redes sociais são desafiados a contribuirem na ajuda aos sem-abrigo.

Através das suas partilhas, vai ser possível contribuir para a doação de refeições ao CASA – Centro de Apoio ao Sem-Abrigo.

Após ter doado mais de 130 toneladas de alimentos, de norte a sul do país, através de uma parceria com a Federação Portuguesa de Bancos Alimentares, e de ter respondido a tantos outros apelos de entidades de saúde e de ajuda à população vulnerável, o Lidl pretende agora fazer chegar a sua ajuda também aos sem-abrigo, contando, para isso, com a participação e envolvimento da sua comunidade digital, a quem desafia a unir-se em torno desta causa.

Trocar partilhas por refeições

Ao abrigo desta iniciativa, os fãs da página de Facebook e Instagram do Lidl são desafiados, desde já, a partilhar o post desta campanha, sendo que, por cada três partilhas, a insígnia compromete-se a doar uma refeição aos sem-abrigo, numa parceria com o CASA (Centro de Apoio ao Sem-Abrigo).

De acordo com Vanessa Romeu, diretora de comunicação corporativa do Lidl Portugal, “enquanto empresa com uma forte responsabilidade corporativa, temos procurado auscultar as necessidades da comunidade e dar-lhes a nossa melhor resposta. Faz todo o sentido apoiarmos quem não tem casa para ficar, neste caso os sem-abrigo, unindo esforços com um parceiro que tem alcance nacional e capacidade de implementação, o CASA”.

A responsável adianta ainda que “as campanhas solidárias nas redes sociais do Lidl têm demonstrado que os portugueses são muito solidários, estando, por isso, convencidos que muitos serão os que aceitarão o desafio de contribuir através de um gesto tão simples como a partilha de um post no Facebook”.

economia mundial

Gestores mundiais expressam pessimismo severo quanto à pandemia de Covid-19

compras

Compras físicas atingem valor mais elevado das últimas seis semanas