in

JD.com forma joint-venture para a área do e-commerce com grupo tailandês

A JD.com e o principal grupo tailandês de retalho, a Central, vão formar uma joint-venture de 500 milhões de dólares para a área do comércio eletrónico e tecnologia financeira.

A segunda maior empresa de comércio eletrónico da China procura aumentar a sua presença no sudeste asiático. O acordo vai ajudar a JD.com a expandir o seu negócio no exterior para além da Indonésia, para enfrentar a concorrência da Alibaba e Amazon nesta região do globo, onde estão a aumentar os serviços, como a entrega rápida em Singapura.

Cada empresa contribuirá com 250 milhões de dólares para o empreendimento. “Trabalhar com o conglomerado de retalho mais forte da Tailândia, com uma enorme rede de compras e departmet stores, oferece-nos uma enorme vantagem competitiva, à medida que nos expandimos ainda mais para o sudeste da Ásia“, disse o CEO da JD.com, Richard Liu, em comunicado.

A JD.com fornecerá o suporte tecnológico e logístico para o empreendimento, enquanto a Central contribuirá com as suas relações comerciais, reconhecimento de marca e “insights” de clientes recolhidos através dos seus programas de fidelização.

Publicidade

Nestlé aposta no segmento de café com a compra a Blue Bottle

Nova linha de produção permite fabricar 10 milhões de conjuntos de cápsulas Delta Q por semana