in

Gestão sustentável permitiu à Sonae Sierra evitar 25 milhões de euros em custos

A implementação de medidas de eficiência de gestão de energia, de água e de resíduos, ao longo dos últimos 16 anos, permitiu à Sonae Sierra evitar 25 milhões de euros em custos operacionais, em 2018, ano em que a empresa apresentou também resultados financeiros positivos.

Há mais de 20 anos que a Sonae Sierra assumiu um compromisso com o ambiente e a sociedade, ao apostar na implementação de medidas de eficiência na gestão de energia, água e resíduos, na melhoria da segurança e saúde e na integração da sustentabilidade na sua estratégia de negócio“, refere em comunicado.

Em 2018, a empresa melhorou a ecoeficiência dos seus centros comerciais na maioria dos indicadores-chave, tendo cumprido, neste ano, 86% dos seus objetivos de sustentabilidade. Nomeadamente, reduziu as emissões de gases com efeito de estufa em 9,1%, o consumo de eletricidade em 2,8% e a percentagem de reciclagem de resíduos cresceu 3%.

Comparativamente com anos anteriores, a Sonae Sierra melhorou em 21% a eficiência na utilização de água, desde 2003, e melhorou em 49% a eficiência no consumo de eletricidade, desde 2002. A taxa de reciclagem aumentou 248%, desde 2002, e a percentagem de resíduos enviados para aterro diminuiu 69%, desde 2007. Adicionalmente, a empresa reduziu as emissões de GEE em 81%, desde 2005. Relativamente à segurança e saúde, a Sonae Sierra reduziu a severidade dos acidentes de trabalho e doenças profissionais em 86%, desde 2005.

Em termos de certificações, a Sonae Sierra obteve a certificação ISO 14001 de gestão ambiental em 26 projetos em desenvolvimento e em 52 dos seus ativos em operação, a certificação OHSAS 18001 de gestão de segurança e saúde em 10 projetos em desenvolvimento e em 48 dos seus ativos em operação e oito certificações BREEAM.

Em 2018, a Sonae Sierra recebeu, ainda, o prémio Silver Stevie na categoria Inovação do Ano na Indústria de Energia, na 15.ª edição anual dos International Business Awards, pela implementação do Programa Bright – Melhorar a pegada de carbono no mercado imobiliário.

A nível operacional, a Sonae Sierra apresentou resultados positivos, com um resultado líquido de 110 milhões de euros, em 2018. A empresa vendeu ativos com um valor bruto de perto de 600 milhões de euros, o que gerou ganhos significativos, viu o EBIT dos serviços crescer 11% face ao ano anterior, investiu mais de 165 milhões de euros em expansões, como a do NorteShopping, bem como no desenvolvimento de dois outlets em Espanha e na Grécia e na construção de um novo centro comercial na Colômbia, que abriu no passado mês de fevereiro.

Os resultados do desempenho da Sonae Sierra são publicados no seu Relatório Económico, Ambiental e Social, que resume a estratégia de negócio e o desempenho operacional da empresa, em 2018. Pode aceder ao relatório aqui.

Continente lança plataforma dedicada aos plásticos

Nespresso lança gama permanente para receitas de café com leite