in

Falsificação prejudica sectores das bebidas espirituosas e do vinho

Um novo estudo do European Union Intellectual Property Office (EUIPO) mostra que 3,3% das vendas são perdidas todos os anos devido à falsificação de bebidas alcoólicas (4,4% das vendas legítimas de bebidas espirituosas e 2,3% das vendas legítimas de vinho).

As vendas anuais combinadas de bebidas espirituosas e de vinhos na União Europeia ascendem a cerca de 38 mil milhões de euros por ano e são perdidos 1,3 mil milhões de euros (3,3%) devido à presença de produtos falsificados no mercado.

O estudo conclui ainda que 1,7 mil milhões de euros de vendas são perdidas em sectores relacionados. Adicionalmente, mostra que são perdidos 4.800 empregos diretos, 23.300 postos de trabalho diretos e indiretos são perdidos na economia europeia, dos quais 8.600 postos de trabalho são perdidos na agricultura e 6.100 postos de trabalho são perdidos na indústria alimentar, e perdem-se 1,2 mil milhões de euros de receitas governamentais (impostos, contribuições sociais e impostos sobre consumos específicos).

Leia na íntegra a análise sobre o mercado das bebidas espirituosas na edição 42 da Grande Consumo.

Publicidade

Ações da Apple valem 10 vezes mais uma década após o primeiro iPhone

Lancers e IADE unem-se para criar uma edição especial de verão