in ,

Europastry testa entregas de bicicleta

Projeto Nodriza

Europastry comprometida com as entregas sustentáveis
Europastry comprometida com as entregas sustentáveis

A Europastry está a implementar um novo sistema de entrega dos seus produtos através de bicicletas elétricas nos principais centros urbanos de Espanha.

Denominado de Projeto Nodriza, esta é uma iniciativa pioneira no sector das massas congeladas, de acordo com Mariano Pérez, diretor de operações Europastry.

Com o objetivo de fazer as entregas nos locais de mais difícil acesso dos centros urbanos, de uma maneira sustentável, serão estabelecidas plataformas dinâmicas para abastecer as bicicletas. Desta maneira, a produtividade dos condutores, permitindo uma redução de mais de 37 toneladas de dióxido de carbono e de 14.400 litros de combustível ao ano.

O Projeto Nodriza também irá contribuir para evitar o tráfego nos centros das cidades e abastecer um maior número de clientes em menos tempo.

As bicicletas estão equipadas com uma câmara de armazenagem destinada a garantir a cadeia de frio do produto.

Atualmente, o projeto está em testes em Barcelona e, em março, a frota deverá ser aumentada para ampliar a área de entregas. Ao longo do ano, o projeto entrará numa segunda fase para abarcar os núcleos urbanos de Madrid e Valência. Espera-se que, a prazo, se expanda não só para as principais cidades de Espanha, como também dos outros países onde a Europastry opera. “Este sistema de distribuição capilar permite-nos garantir as entregas aos clientes nos centros das cidades, cumprindo as novas regras urbanas de uma forma sustentável, inovadora e eficiente”, explica Mariano Pérez.

DIA consegue 896 milhões de euros para refinanciar a dívida

28% dos portugueses vão aproveitar os saldos para fazer compras