in

EUA poderão aplicar tarifas no valor de 7,5 mil milhões de dólares aos produtos europeus

Foto Shutterstock

A Organização Mundial do Comércio (OMC) fixou em 7,5 mil milhões de dólares anuais as tarifas que os Estados Unidos da América poderão aplicar a produtos europeus para compensar das perdas obtidas devido a subsídios ilegais atribuídos pela União Europeia à Airbus.

De acordo com o Financial Times, a decisão poderá levar à maior ação de retaliação na história da OMC, caso a União Europeia ganhe o caso que interpôs contra os Estados Unidos, também referente a subsídios ilegais à fabricante aeronáutica norte-americana Boeing. É já no próximo ano que a União Europeia deverá receber a sua autorização.

A União Europeia já tinha pedido aos Estados Unidos para suspenderem as sanções comerciais e chegar-se a um acordo relativamente à disputa sobre os subsídios às fabricantes aeronáuticas. Contudo, indicou Cecilia Malmstrom, comissária europeia do Comércio, “não mostraram vontade de conversar. A imposição mútua de contramedidas apenas infligiria danos aos negócios e cidadãos, nos dois lados do Atlântico, e prejudicaria o comércio global e a indústria da aviação numa altura sensível”.

Publicidade

Publicidade

União Europeia com novas regras quanto à durabilidade dos eletrodomésticos

Free Now lança campanha especial para as eleições legislativas