in

Em 2021, aumenta a utilização de vários meios de transporte na deslocação para a escola

Quando questionados, no âmbito do Observador Cetelem Regresso às Aulas 2021, sobre como será feito o trajeto dos estudantes até à escola, este ano, há mais encarregados de educação a apontar mais do que uma opção, o que indica que aumenta a utilização de vários meios de transporte na deslocação para a escola.

No ano passado, eram usados, em média, 1,1 meios de transportes, enquanto em 2021 se regista uma média de 1,3. É principalmente nos ciclos de ensino em que os estudantes são mais autónomos que são utilizados mais do que um meio de transporte, nomeadamente no secundário e superior (ambos com média de 1,5).

Este aumento reflete-se em todos os meios de transportes, registando-se um crescimento maior nas deslocações a pé (38%, mais 23%). Ainda assim, a maioria dos encarregados de educação indica que os estudantes a seu cargo vão deslocar-se mais vezes de carro com a família (57%, mais 8% face a 2020), um aumento que tem sido constante: era 47% em 2019 e 53% em 2020.

 

Transportes coletivos

Contudo, verifica-se igualmente uma recuperação e um aumento da confiança nos transportes coletivos face ao ano anterior (+14%), com 24% das respostas. Já 8% dos encarregados de educação inquiridos diz ter contratado transporte específico para estudantes e há também estudantes que se vão deslocar de bicicleta/trotineta e de mota/scooter (ambos com 1%).

Os dados permitem observar que há mais estudantes a deslocar-se mais frequentemente de carro com a família entre os que estão no ensino pré-escolar e no 1.º e 2.º ciclos (81%, 69% e 59%, respetivamente). No secundário, há uma maior repartição entre estudantes que vão de carro com a família (44%), a pé (43%) e de transportes coletivos (43%). Os estudantes do ensino superior são os que mais optam por usar transportes coletivos (61%).

Entre os tipos de ensino, verifica-se que os alunos do ensino privado se deslocam mais frequentemente de carro com a família (78%), com 25% a ir a pé e 25% de transportes coletivos. No ensino público, 54% vai de carro com a família, 41% a pé e 25% de transportes coletivos.

Publicidade

ensino

47% dos portugueses compraram dispositivos eletrónicos para ensino à distância

Uber

Uber investe mais de 90 milhões de euros no novo hub em Lisboa