in

El Corte Inglés estuda venda do negócio de viagens

O El Corte Inglés está a analisar diferentes opções estratégicas para o seu negócio de viagens, o segundo maior em termos de faturação.

De acordo com o El Confidencial, alguns acionistas colocaram em cima da mesa a possibilidade de venda. Não há qualquer decisão tomada, nem foi contratado qualquer banco e investimento para sondar potenciais compradores.

A filial é responsável por 17% do volume de negócios do grupo. No ano passado, faturou 2.722 milhões de euros, crescendo 4,9%. Conta com 496 delegações em Espanha, 22 em Portugal e 107 noutros países, sobretudo da América Latina, como Argentina, Colômbia, México, Chile e República Dominicana.

Fontes próximas indicam que a venda deste negócio poderia render 400 milhões de euros, que seriam utilizados na redução da dívida e no financiamento de outros negócios alternativos.

Como vai ser a campanha de Natal de 2019?

Dono do Lidl investe na inteligência artificial