in

Comissão Europeia obriga AB InBev a vender negócio europeu da SABMiller

A Comissão Europeia aprovou a aquisição da SABMiller por parte da AB InBev, na condição que esta venda todo o negócio da primeira na Europa.

A decisão irá assegurar que a concorrência não vai enfraquecer e que os consumidores da União Europeia não serão prejudicados”, disse Margrethe Vestager, comissária da concorrência. “Os europeus compram cerca de 125 mil milhões de euros de cerveja todos os anos, pelo que mesmo um pequeno aumento de preço pode ser-lhes prejudicial. Era, por isso, muito importante assegurar que a compra da SABMiller pela AB InBev não iria reduzir a concorrência no mercado cervejeiro europeu”.

O negócio funde, respetivamente, a primeira e segunda maiores cervejeiras do mundo. Na Europa, são a terceira e quarta maiores empresas em volume, depois da Heineken e Carlsberg, que lideram o mercado.

Recentemente, a AB InBev concordou vender as marcas Peroni, Grolsch e Meantime, ativas em Itália, na Holanda e Reino Unido, respetivamente, à japonesa Asashi. Foram também colocados à venda os ativos da SABMiller na Europa Central e de Leste.

Publicidade

Rússia

Embargo da Rússia à União Europeia prolongado até 2017

Luta pelo controlo do Aldi pode derrubar império do retalho alemão