in

Amazon, H&M e Zara são as marcas de retalho mais valiosas do mundo

A Amazon é a marca de retalho mais valiosa do mundo, avaliada em com 64.796 milhões de dólares (55.200 milhões de euros), o que mais 29% que no ano anterior, de acordo com o último relatório “Best Global Brands” feito anualmente pela consultora Interbrand.

A segunda marca de retalho mais valiosa é a sueca H&M, não obstante a queda de 10% na sua valorização, para os 20.488 milhões de dólares (17.423 milhões de euros);. É seguida pela marca espanhola Zara, que aumentou o seu valor em 11%, atingindo 18.573 milhões de dólares (15.794 milhões de euros).

Sucedendo aos dois operadores têxteis aparece a  IKEA (+4%), com 18.472 milhões de dólares (15.709 milhões de euros), e a eBay (+1%) com 13.224 milhões de dólares (11.245 milhões de euros).

O ranking global das marcas mais valiosas do mundo é novamente liderado pela Apple, depois de crescer 3%, para chegar aos 184.154 milhões de dólares (156.7 milhões de euros), seguida pela Google, que aumentou o seu valor em 6%, para 141.703 milhões de dólares (120.600 milhões de euros).

Além disso, o top 100 também inclui empresas do sector de alimentos e bebidas, incluindo a Coca-Cola (-5%), com um valor de 69.733 milhões de dólares (59.301 milhões de euros); a Pepsi (+1%), com 20.491 milhões de dólares (17.425 milhões de euros); a Nescafé (+1%), com 12.661 milhões de dólares (10.767 milhões de euros); a Kellogg (-6%), com 10.972 milhões de dólares (9.330 milhões de euros); a Danone (+1%), com 9,322 milhões de dólares (7.927 milhões de euros); e a Heineken (+1%), com 5.181 (4.405 milhões de euros).

Publicidade

TripAdvisor vai entregar refeições através da Deliveroo

Emmanuel Faber assume presidência da Danone em dezembro