ALDI_exterior loja
in

Aldi inaugura primeira loja de 2021 em Peniche

A cadeia de distribuição Aldi começa 2021 com a abertura da sua 84.ª loja, dando continuidade ao  plano de expansão da para Portugal.

É já no dia 6 de janeiro que o Aldi inaugura a sua primeira loja de 2021, em Peniche, cidade conhecida por ser “a capital da onda”, graças ao potencial da sua costa para a prática de desportos náuticos, como o surf e o bodyboard.

A nova loja conta com uma área de 1.200 metros quadrados. Neste espaço, os clientes poderão encontrar frescura e sabores exclusivos, numa vasta gama de produtos de marca própria, que refletem a essência do Aldi, onde os frescos (fruta e legumes, peixe e carne fresca, em grande parte de origem nacional) e o pão e a pastelaria recebem um lugar de destaque.

 

Preservação de património

No local onde agora se encontra a nova loja Aldi, foram descobertos, em 2007, importantes vestígios arqueológicos que remontam à época romana, entre os séculos I a.C. a III d.C. Os trabalhos de exploração permitiram perceber que os elementos encontrados se desenvolviam numa vasta área, pelo que a insígnia procurou preservar e evidenciar a importância desta descoberta, através da criação de uma placa interpretativa instalada nos jardins junto à loja e que pode ser consultada por todos os que desejarem.

 

Desperdício alimentar

No âmbito da Estratégia Nacional de Combate ao Desperdício Alimentar e do compromisso do Aldi Nord para com a promoção do desenvolvimento sustentável, um dos objetivos do grupo é a concretização de doações alimentares em todas as lojas Aldi em Portugal. É nesse contexto que a nova loja de Peniche celebrou uma parceria com a Nova Aliança Centro Social. Esta instituição tem como missão o apoio às famílias, abrangendo crianças e jovens em perigo, pessoas idosas, nomeadamente, através do apoio à integração social e comunitária, educação e formação das populações.

Elastron AICEP 2020

AICEP distingue Elastron como melhor PME Exportadora

Elsa Veloso, CEO DPOConsulting

“A credibilidade, notoriedade e ‘goodwill’ são o ativo mais valioso e crítico de qualquer marca e organização”