in

AB InBev leva Constellation a tribunal pelo uso da marca Corona

Foto vengerof/Shutterstock

O braço mexicano da empresa de bebidas Anheuser-Busch InBev interpôs um processo contra a empresa norte-americana Constellation Brands por quebra de acordo sobre o uso da marca Corona, ao aplicá-la a um produto diferente da cerveja.

A Constellation Brands usou o nome para a sua Corona Hard Seltzer, uma água com gás com álcool e aromatizada, uma das várias bebidas com gás que se tornaram populares nos Estados Unidos.

O Grupo Modelo entrou com o processo no tribunal distrital do distrito sul de Nova Iorque na passada segunda-feira, dia 15 de fevereiro. A AB InBev, que confirmou o processo, disse que não ter conseguido resolver a questão diretamente com a Constellation Brands.

 

Acordo de licenciamento

Quando a AB InBev assumiu o controlo total do Grupo Modelo, em 2013, acordou com os reguladores da concorrência norte-americanos em vender os negócios do Grupo Modelo, nos Estados Unidos, à Constellation Brands, incluindo a marca Corona. A AB InBev reteve os direitos da marca e outras marcas do Grupo Modelo no México e noutros países.

OGgrupo Modelo afirma que o acordo de licenciamento da Corona se estendia apenas à cerveja e não incluía a hard seltzer.

A Constellation Brands lançou a Corona Hard Seltzer em fevereiro de 2020 e, em outubro, a marca tinha 6% de quota no mercado norte-americano, tornando-se a quarta maior marca do segmento.

Publicidade

Lidl

Lidl Suíça adiciona classificação de bem-estar animal às embalagens de carne

KitKat

Nestlé vai lançar um KitKat vegan