viajar
Foto Shutterstock
in ,

45,5% dos portugueses reserva o seu hotel para férias no site oficial da marca

No período que decorreu entre 10 de maio e 10 de junho, a multidados.com – the research agency desenvolveu um estudo com foco nos hotéis mais escolhidos para férias, tal como os restaurantes a que os inquiridos vão com maior frequência. 91% afirma reservar com antecedência a sua estadia nos hotéis. Relativamente à restauração, 70,3% prefere ir a restaurantes ao jantar e apenas 29,7% mostra preferência pelo almoço.

37,5% refere que costuma ficar alojado em hotéis de seis em seis meses. Os principais motivos que levam a esta frequência são férias (55,2%), escapadinhas de fim-de-semana (37,8%), negócios (5,4%) e aniversários (1,2%).

45,5% dos portugueses reserva o seu hotel para férias no site oficial da marca. Outros sites (29,4%) são também um meio utilizado com frequência, aquando do planeamento da viagem, sendo referidos Booking (46,0%) e Trivago (17,6%).

Hotéis

Pestana (37%), Ibis (28,1%), Vila Galé (28,1%), Montebelo Hotels & Resorts (19,3%), Tivoli (16,2%) e Melia (15%) são os hotéis eleitos de forma espontânea. Outros hotéis mencionados são Hilton, Sana, Ritz, Holiday Inn e AXIS.

Relativamente aos hotéis a que os portugueses vão com maior frequência, destacam-se Ibis (18,5%), Vila Galé (12,7%), Pestana (6,9%) e Meliá (3,1%). As principais razões que levam ao destaque destes hotéis são preços acessíveis (37,9%), conforto (24,6%) e promoções (15,1%).

 

Gastos

No que diz respeito à restauração, os principais motivos de ida a um restaurante são passar tempo com a família/ amigos (35,4%), experimentar novas comidas (30,3%), descontração (26,5%) e qualidade da comida (5,9%).

32,5% menciona gastar um valor médio de 10 euros a 15 euros por pessoa. Os dias preferidos para a ida a um restaurante são sábado (48,8%), sexta-feira (22%) e durante a semana (18,8%).

Os restaurantes mais referidos, espontaneamente, são Guilty by Olivier (2,7%), Portugalia (1,9%), 100 maneiras (1,6%), Brasão (1,6%), Subenshi (1,6%) e Chimarrão (1,1%). Outros restaurantes mencionados são Solar dos Presuntos e Manjar do Marquês.

Os principais fatores valorizados na escolha de um restaurante são comida de qualidade (36,7%), preços acessíveis (23,9%) e ser perto de minha casa (22,5%).

 

férias

última milha

Entregas não domiciliárias: descongestionar as cidades e reduzir as emissões de CO2

desperdício alimentar

Sensibilização dos consumidores para o desperdício alimentar aumentou para 72% em dois anos