in

23% dos portugueses já planeia férias no verão, 47% ainda não sabe

A pouco mais de um mês do início do verão, e apesar de Portugal se encontrar em fase de desconfinamento, apenas 23% revela já ter planos para as férias e uma grande quantidade de inquiridos (47%) ainda não sabe como estas serão, o que não significa que não irão durante este período.

Recorde-se que, em maio de 2020, num dos picos da pandemia, este valor era de 26%, sendo que 37% também não sabia ainda quais seriam os seus planos. Em fevereiro do ano passado, quando ainda não havia casos de Covid-19 em Portugal, mas já se falava dessa possibilidade, já se verificava uma contração, com 46% a ter intenção de férias, sendo que 40% ainda não sabia. Valores inferiores aos de 2019, quando era 71% os que revelavam intenções de ir de férias durante este período.

Os inquiridos do distrito de Beja são os que manifestam maior intenção de ir de férias no verão (94%), seguindo-se os do distrito de Guarda (56%), Braga e Castelo Branco (ambos 48%). Apenas 20% dos inquiridos residentes no distrito de Lisboa manifesta já ter planos. No Porto, esta percentagem é das mais baixas (6%), menor só em Santarém (4%).

Adicionalmente, fazendo uma caracterização sociodemográfica, verifica-se uma maior intenção de fazer férias no verão junto dos que têm 25 a 34 anos, entre os residentes a Norte (excluindo o distrito do Porto), os que trabalham por conta de outrem e os que consideram a sua situação económica boa.

 

Destinos de verão

Relativamente ao tipo de destino preferido, os dados revelam que a praia se mantém como destino de eleição (62%) dos portugueses. Ainda assim, verifica-se uma tendência crescente para ir de férias para o campo (22% versus 17% em fevereiro de 2020), enquanto ir de férias para a cidade vem perdendo força (25% versus 33% em fevereiro de 2020).

Publicidade

Leroy Merlin

Leroy Merlin inaugura nova loja na Alta de Lisboa

Teatree Mint

OGX apresenta a nova gama Teatree Mint