in

Unilever investe na inovação alimentar

Foto Shutterstock

A Unilever investiu 85 milhões de euros num novo centro de inovação alimentar, localizado em Wageningen, na Holanda.

Chamado Hive (colmeia, em inglês), o espaço está rodeado dos principais centros de investigação académica e startups. A partir deste centro, a Unilever irá liderar os seus programas globais de inovação alimentar para marcas como Knorr, Hellmann’s, The Vegetarian Butcher e Calvé. As áreas de investigação incluirão os ingredientes à base de plantas e alternativas à carne, os cultivos eficientes, as embalagens sustentáveis para alimentos e os alimentos nutritivos. “Necessitamos de uma transformação fundamental do sistema alimentar se quisermos alimentar mais de nove mil milhões de pessoas, de modo sustentável e nutritivo”, indica Alan Jope, CEO da Unilever. “A desnutrição, a obesidade, as alterações climáticas e o desperdício alimentar são questões que apenas podem ser abordadas se trabalharmos em conjunto para acelerar a tecnologia e a inovação. Ter um centro global de investigação e desenvolvimento em Wageningen permitir-nos-á fazer exatamente isto”.

Esta localidade recebe normalmente a alcunha de Food Valley, em reconhecimento dos avanços na tecnologia agroalimentar proporcionados por empresas e institutos ali situados.

Publicidade

AB InBev inova nos rótulos

Fundo peruano compra a Tiendanimal