in

Quinta do Hospital lança a primeira edição do Barão do Hospital Alvarinho Reserva 2020

Barão do Hospital Reserva 2020

A Quinta do Hospital, propriedade da Falua – Sociedade de Vinhos, acaba de lançar na Região Demarcada dos Vinhos Verdes, sub-região Monção e Melgaço, o Barão do Hospital Alvarinho Reserva 2020. Uma nova referência que vem reforçar o portfólio da marca que apresentou, recentemente, as suas novas colheitas: Barão do Hospital Alvarinho 2021 e Loureiro 2021.

Para a enóloga e diretora geral da Falua, Antonina Barbosa, “o Barão do Hospital Alvarinho Reserva 2020 é o novo membro desta família e é, sem sombra de dúvida, o elemento que faltava para completar e diversificar a gama da marca Barão do Hospital. A nossa estratégia a curto prazo passa por dar continuidade na ampliação do nosso portfólio, o que reflete claramente a aposta contínua na região. ‘Uma homenagem às raízes na hospitalidade, lê-se em destaque no seu rótulo, denota o apreço pela história, o orgulho nas tradições e o respeito pelas características naturais do solo e da casta, no terroir de origem'”, salienta.

De aroma intenso, mas muito elegante, o Barão do Hospital Alvarinho Reserva 2020 é um vinho complexo, onde predominam as notas cítricas, nuances de algumas flores e chá e uma mineralidade vibrante que se acentua muito em boca. Um vinho estruturado por natureza e com acidez, que se revela bastante persistente e com elevado potencial de guarda.

 

Reforço do investimento na vinha

Dando continuidade à expansão da área de vinha própria em diferentes regiões, a Falua acaba de reforçar a área da viticultura com um plano de investimento superior a cinco milhões de euros, a executar até 2024, totalizando 200 hectares de vinha na Região Tejo e 31 hectares na Região dos Vinhos Verdes.

Na Região dos Vinhos Verdes, o investimento abrange a plantação de vinhas das castas Loureiro e Alvarinho, com 11 hectares de Loureiro instalados, em 2022, em Soutelo, no concelho de Vila Verde, dando origem a uma vinha que passará a rodear a histórica Casa da Torre. Por sua vez, a secular Quinta do Hospital, em Monção, conta com a plantação de mais 10 hectares de vinha, passando a ter um total de 20 hectares de vinha exclusiva da casta Alvarinho na sub-região de Monção e Melgaço.

“Este investimento teve início em 2022 e estará em execução até 2024, de forma a permitir um crescimento assente nos nossos valores de sustentabilidade e de grande respeito pela natureza. Não investimos apenas na aquisição de terra para instalação de vinha, mas sobretudo nas condições que nos permitem garantir a produção de uvas de elevada qualidade para continuar a produzir vinhos de excelência”, destaca Antonina Barbosa.

A Quinta do Hospital está localizada num dos maiores vales do Minho, na freguesia de Ceivães, em Monção. Carregada de história, é uma propriedade murada e na qual se insere uma casa senhorial, o Solar do Hospital, com fachada brasonada do século XVI.

Delola Spritzes

Jennifer Lopez lança marca de cocktails Delola

OPPO X QEEBOO Capsule Collection

OPPO junta-se à Qeebo em coleção exclusive para o OPPO Find N2 Flip