in

Quinta de la Rosa lança tintos de 2013

São dois os tintos da colheita de 2013 que a Quinta de la Rosa lançou nos mercados nacional e internacional. O La Rosa Reserva tinto 2013 foi lançado a tempo de celebrar o Natal, pela primeira vez também em meias garrafas (375 mililitros) e o Quinta de la Rosa tinto 2013 começa agora a estar disponível ao consumidor.

Este vinho é produzido com uma mistura de castas, tradicionalmente usadas no vinho do Porto: Touriga Nacional (60%), Touriga Franca (12%), Tinta Roriz (8%), Sousão (5%) e Vinhas Velhas (5%). Embora esteja pronto a ser consumido, com pratos de carne ou queijos, este vinho tem potencial de guarda por cinco ou mais anos.

O Quinta de La Rosa tinto 2013 mostra bem o perfil da vindima de 2013, ano considerado fresco no Douro, apresentando-se cheio de fruta, medianamente encorpado e vibrante no final. Os taninos vivos mostram que irá beneficiar com o estágio em garrafa.

O La Rosa Reserva tinto é o topo de gama, não considerando o vinho Vale do Inferno, que teve apenas duas edições, tendo na sua maioria Touriga Nacional, aliada a uvas de Vinhas Velhas. Acompanha preferencialmente pratos de carne fortes, enchidos ou um bom queijo da Serra. É um vinho para beber agora ou envelhecido em garrafa até daqui a 10 anos.

Publicidade

Publicidade

Campanha “Love in a Box” angaria 13 mil euros para apoiar a Cruz Vermelha Portuguesa

Levira exporta um milhão de euros em mobiliário para Cuba