in

Programa Metro Accelerator arranca com a 3.ª edição

O Grupo Metro, em colaboração com a Techstars, promove a terceira edição do Metro Accelerator powered by Techstars, a fim de incentivar o desenvolvimento de soluções digitais para a indústria hoteleira, por parte de startups tecnológicas.

As startups podem agora candidatar-se à terceira edição a partir do website https://hospitality.metroaccelerator.com. O programa tem início no dia 11 de setembro, em Berlim.

Com um total de investimento superior a 52 milhões de dólares, as 10 startups que participaram na primeira edição do Metro Accelerator by Techstars, em 2015/2016, alcançaram investimentos médios superiores às startups que estiveram em todos os programas da parceira norte-americana Techstars. 10 das 11 startups participantes encontram-se agora ativas no mercado, refletindo uma taxa de sucesso de 90%. “Encontramo-nos entusiasmados com as histórias de sucesso que as startups participantes têm demonstrado em tão pouco tempo”, refere Olaf Koch, presidente do Conselho de Administração da Metro AG. “No entanto, é mais importante que contribuamos para fazer os nossos clientes empreendedores nos sectores da hotelaria e restauração mais bem-sucedidos, de uma forma sustentável. As ferramentas digitais do METRO Accelerator ajudam a aumentar a sua produtividade e melhorar os seus serviços, para desta forma crescer ainda mais a nível competitivo num mundo digital”.

Entre os diversos casos de sucesso, pode destacar-se a Flowtify, empresa que criou uma ferramenta para a gestão da qualidade no que se refere à higiene (utilização de papel) na indústria hoteleira e restauração, que ganhou há poucos meses o investimento da High-Tech Gründerfonds (HTGF). Em troca de 15% da empresa, a HTGF investiu 600 mil euros na startup sediada em Colónia.

Os participantes na segunda edição do programa Accelerator já tiveram também oportunidade de ter algum sucesso: Frag Paul, um assistente digital para operadores de restaurantes, tem colaborado com o Metro Cash & Carry na Alemanha.

Publicidade

Lay’s apresenta novas Lay’s Forno Crackers

Lucros da Alibaba caem 39%