in

Portugal contraria tendência europeia de queda das vendas no Natal

As vendas a retalho caíram da Europa em dezembro, mas Portugal registou uma tendência foi oposta, com a segunda maior subida, atrás da Áustria, segundo indicam os dados do Eurostat.

Em dezembro, e face ao mês anterior, o volume das vendas do comércio de retalho recuou1,6% na Zona Euro e 1,4% na União Europeia. Portugal em contraciclo, cresceu 0,6%, apenas superado pela Áustria (0,7%) e seguido pela Irlanda (0,5%).

Já as maiores baixas face a novembro foram observadas na Alemanha (-4,3%), na Suécia (-2,5%) e na Estónia (-2,0%).

Em termos homólogos, face ao mesmo mês de 2017, os números do gabinete de estatísticas europeu apontam para um aumento das vendas a retalho no espaço europeu, que progrediram 1,4% na Zona Euro e 2% na União Europeia.

Os maiores avanços foram registados na Eslovénia (11,2%), Irlanda (7,5%) e Polónia (4,9%) e os recuos mais significativos na Alemanha (-2,2%), Malta (-1,9%) e Suécia (-1,6%). Em Portugal, as vendas a retalho subiram 3,4% em termos homólogos.

Franceses perdem 1,4 mil milhões de euros em poder de compra com a nova Loi Alimentation

McCormick vai desenvolver novos sabores com a aprendizagem automática da IBM