in

Operação para criar o maior supermercado dos Reino Unido em risco

As autoridades da concorrência britânicas ameaçam bloquear a fusão entre a Sainsbury’s e a Asda, a filial da Walmart no Reino Unido, para criar o maior operador de supermercados com uma faturação de 58 mil milhões de euros.

As reações em bolsa não se fizeram esperar, com as ações da Sainsbury’s a cair 18%.

O regulador acredita que a operação protagonizada pelas segunda e terceira maiores cadeias do mercado britânico acarreta grandes problemas em termos de concorrência. No seu entender, a fusão poderá desencadear um aumento de preços e uma redução na qualidade dos produtos.

Segundo os termos da operação, a Asda passaria a controlar 42% do capital da nova entidade combinada, embora contasse apenas com 29,9% dos direitos de voto, e receberia 3.377 milhões de euros, o que a avaliara em 8.286 milhões de euros, em ter em conta a dívida. A fusão das duas cadeias permitiria gerar sinergias líquidas de Ebitda de, pelo menos, 567 milhões de euros, principalmente em benefícios de compra, aberturas da insígnia Argos nas lojas Asda e ganhos em eficiência operativa. A nova empresa contaria com uma rede de mais de 2.800 lojas, com cerca de 47 milhões de transações semanais.

Publicidade

Samsung revela o dispositivo dobrável Galaxy Fold

BDR assinala 12 anos de atividade