in

Moody’s alerta para o declínio dos “Big Four” no retalho britânico

Um estudo recente da agência de notação financeira Moody´s alerta para o facto do mercado de retalho britânico estar a deixar de ser dominado pelos chamados “Big Four” – Tesco, Asda, Morrisons e Sainsbury’s – e gradualmente a transformar-se no mercado dos “big six”, com a ascensão de Lidl e Aldi.

A Moody’s antecipa que a quota de mercado das quatro insígnias que historicamente têm liderado o retalho no Reino Unido caia 4% até 2020. As margens da Tesco, Asda, Morrisons e Sainsbury’s dificilmente recuperarão nos próximos 12 a 18 meses, graças aos esforços promocionais e à contínua queda das vendas numa base comparável.

Em contrapartida, Aldi e Lidl têm ganho 1% de quota de mercado ao ano, apoiando-se em ambiciosos planos de expansão que contrastam com as decisões de encerrar lojas comunicadas pelos Big Four.

Os cortes nos preços ajudaram a trazer mais clientes às lojas das quatro insígnias mas, à exceção da Asda, isso não se refletiu na sua rentabilidade. Tesco, Morrisons e Sainsbury’s dificilmente têm condições para manter a forte atividade promocional, face às suas limitadas capacidades financeiras.

Assim, a Moody’s espera que a quota combinada de Lidl e Aldi alcance os 12% a 15% dentro de cinco anos.

Publicidade

Publicidade

Clientes da Waitrose escolhem promoções

Marketplaces vão aglutinar 39% das vendas no comércio eletrónico em 2020