in

Mercadona reforça a liderança da distribuição espanhola

A Mercadona reforçou a sua liderança da distribuição espanhola, ao alcançar uma quota de mercado de 25,1% nos primeiros oito meses do ano, avança a Kantar Worldpanel.

A cadeia controlada por Juan Roig conquistou mais 1,1 pontos de quota e viu 89% dos lares espanhóis a comprarem, pelo menos, um produto nas suas lojas neste período. 21,1% da venda de frescos em Espanha é controlada pela Mercadona. Florencio García, Iberia Retail Sector Director da Kantar Worldpanel, assinala que o aumento de quota deve-se à renovação e modernização do seu parque de lojas e à sua imagem como cadeia inovadora. 

Ao nível da captação de compradores é o Lidl que se destaca. A cadeia de discount é, juntamente com a Mercadona, a que mais cresceu neste período e atingiu os 4,8% ao melhorar 0,5%.

Desempenhos que contrastam com os do Carrefour, o concorrente mais imediato da Mercadona, que, com 8,4% de quota, consolidou o segundo lugar embora aquele valor represente 0,3% menos. A cadeia francesa está a apostar na omnicanalidade e na sua rede de proximidade. 

Ora, foi precisamente o crescimento das lojas de proximidade que prejudicou o Grupo DIA, ao perder 0,7%  para os 7,7% de quota. Florencio García explica que a cadeia de supermercados está a ter dificuldades no seu modelo de loja mais clássico, o que a leva a apostar no conceito Dia&Go (Minipreço Express em Portugal). 

A Eroski manteve-se estável nos primeiros oito meses do ano, com uma quota de 5,4%, ao crescer no formato de supermercado e nas suas regiões de referência, como o País Basco e a Galiza. Já a Auchan travou a queda que vinha a sofrer e atingiu os 3,5% de quota de mercado, mantendo a aposta na proximidade e unificação das suas marcas. 

As cadeias regionais concentram 17,2% do mercado, chegando a 13 milhões de lares espanhóis. 

Publicidade

Grupo DIA a um passo da OPA

Uber Eats lança serviço de pequeno-almoço e brunch em Lisboa e no Porto