in ,

Kering desfaz-se de participação na Puma

O grupo de luxo francês Kering vai desfazer-se das suas ações da Puma, de forma a focar-se exclusivamente nas suas marcas de luxo, categoria onde a marca alemã não se encaixa.

As ações da Puma não serão negociadas publicamente, mas sim espalhadas por vários investidores da Kering. Atualmente, a empresa possui 86% do capital da Puma. O fundador da Kering, François Pinault, deverá ficar com cerca de 29% das ações.

A venda da marca era também uma das opções da empresa francesa, que entretanto abandonou a ideia. De acordo com o CEO da Puma, Björn Gulden, existiam muitos interessados em adquirir a marca, no entanto, considerou-se que não seria a melhor abordagem.

O grupo Kering adquiriu a Puma em 2007 e a marca obteve um crescimento contínuo desde então.

Publicidade

Loja de conveniência sobre rodas traz comida fresca à sua porta

Carrefour e Auchan continuam a perder quota de mercado em França