in

Fundação AEP cria Observatório da Sucessão Empresarial

A Fundação AEP, presidida por Paulo Nunes de Almeida, criou um Observatório para o tema da Sucessão Empresarial, tendo a primeira reunião acontecido no dia 30 de janeiro.

O Observatório da Sucessão Empresarial é composto por um conselho, presidido por Luís Valente de Oliveira, que integra vários empresários e gestores de empresas de diversos sectores e dimensões, bem como especialistas na área do direito e da economia.

A sucessão empresarial é um tema que a AEP se dedica há já vários anos. Em 2015, lançou o “Kit para a Sucessão Empresarial”, que funciona como uma “caixa de ferramentas” que pretende sensibilizar e agilizar o processo de sucessão nas empresas de cariz familiar.

As empresas familiares contribuem de uma forma decisiva para o PIB e para o emprego nacional, contudo, a taxa de sucesso na passagem de gerações é muito baixa e precisa de ser acautelada e apoiada.

Nesse sentido, a Fundação AEP assinou, em dezembro de 2016, um protocolo com o Centro Regional do Porto da Universidade Católica Portuguesa, com o objetivo de incrementarem a investigação, a formação e o aconselhamento jurídico no âmbito da sucessão familiar na empresa. Esta cooperação, em desenvolvimento no Centro de Estudos e de Investigação em Direito, sob coordenação de Rita Lobo Xavier, está enquadrada no projeto “Património, Family Governance, Sucessão Familiar na Empresa”.

Publicidade

Vitacress bate recorde de vendas em 2016

Mango abre nos Armazéns do Chiado a sua maior loja em Portugal