in

FNAC encerra temporariamente lojas

Face ao desenvolvimento deste surto no país, a FNAC anunciou que irá encerrar temporariamente todas as suas lojas.

A FNAC irá garantir em serviços mínimos, para conseguir dar respostas a situações excecionais, o acesso restrito a sete lojas, localizadas no Centro Colombo, Almada Fórum, CascaisShopping, NorteShopping, GaiaShopping, Fórum Coimbra e Fórum Algarve. Estas lojas, que permanecem excecionalmente abertas, passam a adotar um horário reduzido (das 11 às 20 horas).

Os serviços de Bilheteira, Laboratório Fotográfico, Cartão FNAC e Cafés FNAC estão, em todas as lojas, temporariamente encerrados, incluíndo nas lojas com serviços mínimos.

A FNAC continuará a disponibilizar o seu catálogo de produtos e serviços através da fnac.pt, que contará com um reforço nos processos logísticos de entrega e normas de higiene, para que os portugueses possam receber em sua casa aquilo que mais precisam, com entregas seguras.

Foi ainda alargado o prazo de trocas e devoluções para 45 dias, para compras efetuadas a partir de 1 de março. Os canais habituais de apoio ao cliente continuarão a funcionar dentro da normalidade.

A FNAC vai continuar a acompanhar de perto toda a situação e a agir sempre em conformidade com as recomendações dos governantes e entidades de saúde.

Todas lojas físicas FNAC retomarão o seu normal funcionamento assim que voltarem a estar reunidas todas as condições de segurança e saúde para receber colaboradores, clientes, parceiros, autores e artistas.

Quatro medalhas para Marcolino Sebo no Mundus Vini

3M aumenta a produção de respiradores e máscaras em resposta ao coronavírus