in

DIA vai apostar na marca própria, nos produtos frescos e na renovação de lojas

O Grupo DIA apresentou o seu Plano Estratégico 2018-2023 centrado na transformação, modernização e futuro da empresa com o objetivo de aumentar a quota de mercado no sector da distribuição em Espanha, Portugal, Argentina e Brasil.

A oferta comercial será transformada com o objetivo de colocar a qualidade, os preços competitivos e a proximidade no coração da oferta do “Novo Dia”. Uma aposta para reforçar a marca própria, potenciando a oferta de produtos frescos, tornando os preços mais competitivos com promoções personalizadas e uma racionalização do sortido focada nas necessidades dos clientes.

A atenção e fidelização dos consumidores, para além da atração de novos, é um dos eixos do “Novo DIA”, com o compromisso de melhorar o serviço prestado. Para isso, as lojas serão modernizadas para responder às necessidades dos clientes, onde e quando necessitem, tanto nas lojas físicas como no online.

Será lançado um novo formato de loja, procurar-se-á uma maior eficiência de stocks e proceder-se-á à inclusão do conceito “milha sentimental” para realizar as entregas online no menor tempo possível.

“O Novo DIA” também pretende reforçar a relação com os franqueados para melhorar o modelo de negócio, com uma revisão do sistema de incentivos, investindo na formação, nos seus objetivos e planos de carreira.

Os pontos chave deste Plano Estratégico hoje apresentados pelo DIA deverão permitir alcançar os objetivos financeiros previstos para o período de 2018-2023: crescimento de um dígito médio em vendas, melhoria do EBITDA a partir de 2020, investimento contido em 2019 e recuperação dos níveis da empresa em 2020.

Vendas da DIA descem 3,1% em Portugal

DIA avança para despedimento coletivo